5 dicas essenciais para usuários iniciantes em WordPress

Dicas Iniciantes WordPress ZionLab Zion

Os iniciantes do WordPress que implementarem essas técnicas úteis (e eficazes) logo no início, obterão resultados mais rapidamente.

1. Sua barra lateral não é o seu armário do corredor

Você sabe da situação do armário do corredor e está com medo de abrir porque todas as coisas empurradas na prateleira de cima podem cair e bater na sua cabeça?

É assim que muitas barras laterais do WordPress se parecem.

Elas estão cheios de seus anúncios, seus ícones de mídia social, links para seus tweets mais recentes, fotos de seus fãs no Facebook e assim por diante. Entre todas essas informações, pode haver um link que você realmente gostaria que o visitante do seu site clicasse, mas ele não consegue encontrá-lo.

A solução? Sua barra lateral deve ter conteúdo essencial.

Entre no Appearance & Widgets e remova tudo, exceto os widgets que realmente fazem algo para sua empresa ou sua causa.

Se um widget não adicionar pessoas à sua lista, colocar dinheiro em sua conta bancária ou pedir que alguém execute uma ação que você gostaria, remova-a.

2. Facilite a localização do que está na sua biblioteca

Se você possui uma biblioteca de livros, faz sentido abrigar os livros em prédios separados no mês em que foram adquiridos?

Claro que não. Você acabaria andando de prédio em prédio, procurando o livro que queria.

Sua biblioteca de mídia no WordPress é da mesma maneira. Criar uma pasta integrada para você colocar todas as suas mídias facilita a pesquisa: basta inserir uma palavra-chave e você terá o arquivo que está procurando.

Para configurar o seu site WordPress para que todos os seus arquivos de mídia entrem em uma pasta para que você possa pesquisar pelo nome, acesse Configurações e Mídia e desmarque o botão ao lado de “Organizar meus uploads em pastas com base no mês e no ano”.

3. Limpe seus links permanentes

Você trabalha duro para criar um conteúdo atraente para o seu site e, por isso, deseja que o Google, o Bing e o Yahoo o encontrem. Torne mais fácil para eles usando “sinais de trânsito” curtos que apontam para suas informações.

Como fazer isso?

Você tem quer ter um pouco de tempo para aprender os fundamentos do SEO (não é tão difícil quanto você imagina). Uma melhoria rápida que você pode começar a fazer imediatamente é usar o campo de permalink do WordPress embutido no topo da página de edição para revisar seus links antes de publicá-los.

Elimine palavras desnecessárias e faça uso inteligente de palavras-chave em sua descrição.

Por exemplo:

seusite.com/guia-para-atrair-mais-clientes-do-que-voce-imagina

torna-se …

seusite.com/atraindo-novos-clientes

A ideia aqui é criar um link permanente compacto que informe aos mecanismos de pesquisa rapidamente o que seu post contém e ajuda você a se classificar para uma palavra-chave pela qual gostaria de ser conhecido.

4. Maximize o impacto com títulos e descrições segmentados

Quando você compartilha suas postagens no Facebook, Google+ e LinkedIn, esses serviços selecionam um título e uma descrição da página para acompanhar o link que você compartilha.

E quando sua página aparece como resultado em um mecanismo de pesquisa, o título e a descrição são o que as pessoas usam para decidir se clicam ou não no link. Os títulos das páginas também são um elemento importante para os mecanismos de pesquisa.

Isso torna o título e a descrição um dos textos mais importantes da sua página!-

Para obter melhor controle sobre o que aparece nesses resultados, use um software de otimização SEO como o Yoast para editar o título e a descrição da página.

Lembre-se, as descrições são principalmente para os leitores. Não tente atender aos robôs do Google com eles. Em vez disso, torne-os atraentes, elabore a promessa feita em seu título e use um forte apelo à ação para incentivar os cliques.

5. Coloque suas imagens para trabalhar para você

As imagens adicionam beleza e interesse às suas páginas. Eles também podem ter um trabalho de otimização nos mecanismos de pesquisa.

Toda vez que você envia uma imagem para o seu site, você tem a oportunidade de adicionar uma palavra-chave ao título da imagem e a campos de texto alternativos.

Quais são esses, você pergunta?

A tag de título da sua imagem gera o pequeno texto útil que aparece quando alguém passa o cursor sobre essa imagem.

E se por algum motivo a imagem não estiver disponível – ou se o seu leitor estiver usando um dispositivo de ajuda para visualizar sua página da web – a tag de texto alternativo será o texto que eles verão no lugar da sua imagem.

Mais uma vez – eles precisam fazer sentido. Se é uma história sobre pneus e você usou uma imagem de um pneu lançamento, não chame de “Pneu”. Chame de “Melhor Marca de Pneus para Estradas de Terra”, ou algum outro texto que descreva o que as pessoas vão encontrar em seu conteúdo. E certifique-se de que a tag alternativa descreva com precisão a imagem que você está mostrando. Este não é um lugar para colocar palavras-chave aleatórias, é apenas outra maneira de deixar bem claro o que é seu site.

Comece com o pé direito

Os relacionamentos funcionam melhor se tiverem um bom começo. Isso vale para o relacionamento com o seu blog ou site também.

Atenda às suas necessidades construindo um relacionamento duradouro com o seu site WordPress usando as 5 técnicas descritas aqui.

Deixe uma resposta

Este site usa cookies para lhe oferecer uma melhor experiência de navegação. Ao navegar neste site, você concorda com o uso de cookies.