EUA: 40,8% dos sites de ensino superior usam WordPress

Um novo relatório da eQAfy, uma empresa que coleta e analisa dados sobre sites de ensino superior, comparou quais sistemas de gerenciamento de conteúdo as instituições americanas estão usando. O relatório é um instantâneo dos dados de dezembro de 2020, provenientes do banco de dados do IPEDS do National Center for Education Statistics. Depois de escanear uma lista de 4.000 instituições ativas, o navegador headless do EQAfy foi capaz de detectar o CMS em 3.359 homepages (83,8%).

Um grupo líder de mercado de 12 sistemas de gerenciamento de conteúdo representou 90% das homepages detectadas pelo eQAfy, incluindo quatro soluções de código aberto e oito soluções proprietárias. O WordPress captura 40,8% do mercado, seguido pelo Drupal com 19,1%, medido em todos os tipos de instituições (públicas, privadas com fins lucrativos e privadas sem fins lucrativos), níveis (2 anos e 4 anos) e tamanhos.

A participação de mercado estimada do WordPress para instituições públicas ficou em 27% e é muito maior na categoria de instituições privadas com fins lucrativos em 55%.

Olhando para instituições de ensino superior públicas de 2 anos pela população de estudantes, o WordPress cai para o terceiro lugar, com apenas 18,3%. O Drupal lidera o grupo nessa categoria com 29,2%, e os CMSs proprietários ocupam o resto do mercado. O WordPress se sai muito melhor na categoria de instituições de ensino superior privadas com fins lucrativos de 4 anos, capturando impressionantes 75% do mercado.

Ao examinar fornecedores de CMS para instituições por tamanho, o WordPress é o líder geral do mercado, mas se sai muito melhor nas menores categorias de tamanho institucional, com domínio decrescente nas categorias de grande a muito grande.

O relatório tem comparações de dados mais interessantes em diferentes categorias, se você quiser se aprofundar. É importante observar que o eQAfy coletou apenas os sites principais dessas instituições, que podem não ser representativos do CMS que alimenta os sites auxiliares das escolas. Geralmente, eles são criados usando uma combinação de plataformas. Este relatório cobre apenas qual CMS as escolas preferiram usar para o rosto de suas instituições.

Fonte: WP Tavern

Deixe um comentário

Este site usa cookies para lhe oferecer uma melhor experiência de navegação. Ao navegar neste site, você concorda com o uso de cookies.