WordPress 5.7: Recursos & Melhorias

WordPress 5.7 “Esperanza” foi lançado hoje, em homenagem a Esperanza Spalding, uma baixista de jazz americana que se tornou uma cantora, compositora e compositora talentosa em seus primeiros 20 anos.

As versões 9.3 – 9.9 do plugin Gutenberg estão incluídas nesta atualização, trazendo centenas de melhorias e correções de bugs que tornam o trabalho no editor de blocos mais eficiente e agradável.

Um dos destaques são os novos recursos de arrastar e soltar no insersor de bloco. Os usuários agora podem arrastar blocos e padrões de bloco diretamente para a área de conteúdo da postagem, tornando a construção da página ainda mais rápida.

Muitos dos aprimoramentos do editor voltado para o usuário nesta versão fornecem ao usuário mais controle ao usar os blocos existentes:

  • Alinhamento de altura total: blocos como o bloco de cobertura agora podem ter a opção de expandir para preencher toda a janela de exibição.
  • Bloco de botões: o bloco de botões agora suporta alinhamentos verticais e você pode definir a largura de um botão para uma porcentagem predefinida.
  • Bloco de ícones sociais: agora você pode alterar o tamanho dos ícones no bloco de ícones sociais.
  • Tamanho da fonte em mais lugares: agora você pode alterar o tamanho da fonte nos blocos Lista e Código.
  • Esta versão também melhora a IU para variações de bloco para incluir o ícone e a descrição da variação no inspetor de bloco e uma nova lista suspensa para permitir a alternância entre as variações. Blocos reutilizáveis ​​foram atualizados para serem salvos ao mesmo tempo em que a postagem é salva. Mais algumas melhorias foram adicionadas na versão 10.1 do plugin.
  • Gutenberg, que ainda não está incluído no núcleo. Se você usa blocos reutilizáveis ​​com frequência, convém instalar o plug-in para aproveitar as vantagens da IU expandida.

Além de todas as melhorias do editor, o WordPress 5.7 apresenta uma paleta de cores simplificada para o administrador. Ele padroniza a paleta para sete cores principais e uma gama de 56 tons. Um dos benefícios é que todos os tons atendem aos requisitos da relação de contraste recomendada pela WCAG 2.0 AA em relação ao branco ou preto.

Os desenvolvedores de tema e plug-in que desejam corresponder melhor ao esquema de cores do administrador podem consultar facilmente os novos tons padronizados para deixar seus produtos mais à vontade no administrador do WordPress. As classes centrais existentes do WordPress também foram atualizadas com a nova paleta de cores para que os autores do plug-in possam usá-las para trabalhar dentro da nova paleta padronizada.

Um dos aprimoramentos técnicos mais interessantes do 5.7 é uma nova migração com um clique de HTTP para HTTPS. O WordPress agora pode detectar se o ambiente de hospedagem do usuário tem suporte para HTTPS e atualizar com o clique de um botão, lidando com reescritas de conteúdo misto sempre que possível. Este recurso está disponível na tela de recomendações de integridade do site.

O WordPress 5.7 continua a limpeza em andamento após a atualização para o jQuery 3.5.1, o que resultará na remoção do plugin jQuery Migrate. Ele corrige várias depreciações do jQuery em bibliotecas externas, limpando muitos avisos JQMIGRATE.

Os desenvolvedores também podem estar interessados ​​na nova API de robôs baseada em filtro incluída no 5.7. Ele permite o gerenciamento central do conteúdo da metatag de robôs injetada na página e inclui uma configuração para alternar se os mecanismos de pesquisa têm permissão para exibir mídia grande a partir do site. Por padrão, uma diretiva max-image-preview: large robots que será injetada na metatag de robôs com base na nova configuração.

A versão 5.7 também inclui suporte nativo para iframes de carregamento lento, uma continuação do suporte do WordPress para carregamento lento para imagens que vieram no 5.5. Isso deve melhorar o carregamento de páginas que incluem incorporações e outros tipos de iframes.

Verifique o guia do WordPress 5.7 para obter detalhes técnicos sobre todas as novidades neste lançamento. Esta atualização é o resultado do trabalho de 481 colaboradores voluntários que colaboraram em 250 tickets no Trac e mais de 950 requests no GitHub.

Fonte: WP Tavern
Foto: IThemes

Deixe um comentário

Este site usa cookies para lhe oferecer uma melhor experiência de navegação. Ao navegar neste site, você concorda com o uso de cookies.